Domingo, 22 de Julho de 2007
Despedida...

( Foto: www.olhares.com )

Já tinha publicado este post há algum tempo atrás, mas como estou mesmo quase a concluir o corte com o meu passado, aqui fica mais vez, esta carta de despedida, á pessoa que me acompanhou nos ultimos anos e foram muitos, á pessoa que vou fazer sofrer, que vou desiludir, que vou fazer infeliz. A uma excelente pessoa, o que torna tudo muito mais dificil, mas que não é o sufuciente para fazer de conta. Fica assim aqui a minha homenagem á minha quase ex-mulher, companheira de 15 anos entre namoro e casamento. è duro terminar,mas para ambos, mas mais duro é ser infeliz e fazer infeliz...

A carta...

Jamais pensei que eu fosse escrever-te estas palavras,

porque o meu peito esteve sempre repleto de amor por ti e,

ainda hoje, nesta madrugada em que me sinto tão só,

é ele que me move a dizer-te que te amo e ,

  infelizmente, também , é ele que me diz que chegámos ao fim.

Sim, minha querida, chegámos ao fim porque talvez

 não tenhamos tido a paciência suficiente para superarmos alguns pequenos problemas...

Chegámos ao fim porque talvez não tenhamos sabido lidar com a sensibilidade do outro

Chegámos ao fim e agora sem talvez, porque não tive coragem de me enfrentar...

Chegámos ao fim, quando não deveria ter existido um inicio...e chegámos ao fim porque talvez, não tenhamos acreditado naquele sábio verso do Fernando Pessoa, que diz

assim:"...há distância entre a intenção e o gesto..."

É ... é verdade! Há distância entre intenção e gesto porque eu sei que sempre quis fazer-te feliz, da mesma forma que eu sei que esta também era a tua intenção. No entanto, não fomos capazes de realizar isto...Por pura incompetência , e de ambas as partes, infelizmente !

Assim, é melhor que consideremos este caso de amor como encerrado.

Eu sei que estaremos sempre próximos. Nos ,mesmos bares de sempre ou noutros lugares comuns a mim ou a ti, onde, inevitavelmente, os nossos olhares se cruzarão. No entanto, as lágrimas que eu derramei na tua frente já secaram, e a fonte dessas lágrimas já secou.

Hoje o meu peito ainda guarda a tua marca. Nele ainda está inscrito o teu nome, mas o meu esforço é para que o meu coração passe a bater noutro ritmo, sem o doce da tua voz a embalá-lo. Tudo o que eu desejo é que sejas muito feliz, que continues esta vida de bons projectos e infinitos sucessos.

Mas nunca esqueças que o AMOR é a coisa mais bela e rara que existe, e que ás vezes é

preciso um pouco de paciência e de dor para alcançá-lo.

Um beijo.

Carlos

Eu estou: Triste mas com certezas
O que ouço: Purple Rain - Prince
tags:
publicado por carlos às 00:58
link do post | Diz algo | favorito
|
13 comentários:
De Lua de Sol a 22 de Julho de 2007 às 13:38
Esta carta não é para mim, mas não resisti a lê-la e a comentar :)
É linda. Sabes, se pensas que foste pouco corajoso no passado porque não assumiste o que és, o que te move e o caminho que desejavas para ti; hoje, no presente és um grande homem, com H grande, porque assumir tudo isso agora é bem mais difícil... já tinhas traçado um percurso em que foste envolvendo outra pessoa... Mas ainda vais a tempo de viver a tua vida e de deixares que ela viva a dela em pleno, que encontre também um Amor que a saiba Amar, que a consiga e queira Amar. Tu ama-la muito, como amiga. Não é nada fácil, mas és cada vez maior e melhor. Bj
De carlos a 22 de Julho de 2007 às 14:15
Olá! Lindas, fortes e muito emocionado foi assim que recebi estas tuas palavras, não consigo escrever muito, mas aqueceste o meu coração.Obrigado por comentares desta forma.
beijinho
De Genny a 23 de Julho de 2007 às 10:12
Chegou a altura de lutares pela tua felicidade, mesmo que para isso tenhas que passar por momentos difíceis. Não adies mais o teu sofrimento, porque a vida é muito curta para não lutarmos pelo nosso bem estar.
Um abraço.
De carlos a 23 de Julho de 2007 às 21:19
obrigado genny,acho que tens razão, e também que ainda tenho muito para sofrer antes de ser feliz. è a vida,temos de a enfrentar.
Obrigado
De vânia a 23 de Julho de 2007 às 10:36
viver é desenhar sem boracha!
de certo k tb vais ser muito feliz! a vida é assim feita dealtos e baixos! o k importa mesmo é o Amor..sem ele n consegues viver!
De carlos a 23 de Julho de 2007 às 21:20
Olá e obrigado pela visita,sim tens razão, o problema é esse mesmo o amor, como disse no post anterior ainda vou sofrer para conseguir ser feliz, eu sei que sim.
beijinhos
De drink a 24 de Julho de 2007 às 22:56
Já cá vim várias vezes, com intenções de comentar este post . Mas quando chego aqui os dedos fogem-me! fico sem saber o que escrever...! \:

E Acho que não vou dizer nada, porque o silencio por vezes é a melhor palavra..!

Apenas digo: Força, está aqui um apoio bloguista.

Bjinho!
De carlos a 24 de Julho de 2007 às 23:55
Olá Diana, só de saber que estás por aqui já é bom.
Não te preocupes com a falta de palavras, um simples olá sabe bem.
Beijinho
De Jorge a 25 de Julho de 2007 às 08:48
Pois é Rapazinho....

Já li esta carta imensas vezes, não imaginas de todo quantas, e não sei se é dos meus sensiveis 42 anos, ou se das tuas palavras em que eu me vejo a reviver integralmente o meu passado, a realidade é que as lágrimas acabam sempre por me importunar...

Por isso apenas te felicito pela extraordinária beleza desta carta e te desejo do fundo do coração, as...

MAIORES FELICIDADES DO MUNDO

Uma Beijoca Sincera e Um Abraço Sentido

Jorge
De carlos a 25 de Julho de 2007 às 14:22
Olá jorge,
esta carta tem de tudo, de tão bela que é como de triste como de sincera.
Mais uma vez obrigado,por estares aqui comigo.
abraço e beijo
De R. a 25 de Julho de 2007 às 17:45
Sei que chegou o dia....a esta hora já estares a fazer a despedida.....gostava muito de estar ao teu lado hoje fisicamente, mas como sabes não é possível. Mas estás no meu pensamento! Acredito que com este passo abras o caminho à felicidade. MERECES SER FELIZ!
Beijo

R.
De carlos a 25 de Julho de 2007 às 20:06
Bem..é mesmo o R, o R que tanto falo, sei que visita o blog, mas este foi o primeiro comentário.
Podem julgar simples, mas tem uma importancia tão grande,pelas palavras,pelo momento,pela situação.
Se duvidas existissem R, estavam esclarecidas. Mas não há duvidas, que o que decidi há pouco tempo atrás foi muito bem decidido.
Um beijo enorme, só para ti!
Ès LINDO!
De CARPE DIEM a 7 de Agosto de 2007 às 20:07
"A poderosa poesia da vida não para e tu podes contribuir com um verso."
Abraço!

Comentar post

Se me querem conhecer
Os últimos...

Saudade!

Queria ter coragem!

Desencontrado Encontro!

Aconteceu e ...

Eu só quero!

...

Parabéns!

" Do Começo ao fim"

Devaneios...

Quando não existem palavr...

O que já lá vai...
quantos me visitaram
free hit counters
free hit counters
favorito

AMANTES

Queres encontrar algo?
 
eXTReMe Tracker