Quinta-feira, 24 de Junho de 2010
Carta de amor II

Desde que surgiste no meu caminho, tornou-se impossível para mim imaginar a vida sem a tua presença constante. Quando não estás por perto vem-me uma profunda sensação de vazio, um estranho sentimento de vácuo, de total desorientação.
Sem ti falta-me o chão, falta-me a segurança que me transmites através de um simples sorriso, falta-me sempre a certeza de estar a fazer o mais correcto ou o melhor. Sem ti também me falta o céu e os sonhos. É da tua presença que me vem a inspiração para projectar o futuro ou mesmo a força para ultrapassar as dificuldades quotidianas.
A minha vida é o meu amor. É por ele que eu procuro fazer-me melhor a cada dia, é por ele que eu me torno uma pessoa mais carinhosa e gentil, e é nele que meus pulmões encontram a força para respirar e me manter vivo.
O meu amor é alguém especialmente maravilhoso. É ele quem mais me admira as virtudes e quem mais me compreende os pecados, vícios e manias que carrego.
O meu amor reconhece as nossas afinidades e respeita as nossas diferenças. Traz-me calma e paz. Toca-me a alma com doçura e generosidade.
A minha vida é o meu amor.

E o meu amor és Tu Leandro.

 

Carlos

publicado por carlos às 18:12
link do post | Diz algo | O que dizem (2) | favorito
Quinta-feira, 17 de Janeiro de 2008
Estranhamente...

Foto de: www.olhares.pt

 

Tenho tido dias bons, aliás muito bons!

Não tenho tido muito tempo para aqui vir, mas hoje e não sei porquê tive a necessidade de cá vir escrever e ler, ler alguns mimos que me escreveram nos ultimos tempos.

A minha vida recomeçou da forma correcta, uma nova vida,amigos novos e dos melhores.

Neste momento ainda está melhor, perspectivas de regressar a uma empresa que já trabalhei á 10 anos atrás e que ainda hoje sinto saudade.

Com o M, tem sido muito bom, a paz que tenho tido devo-a a ele,a atenção, o carinho com que me tem tratado é maravilhoso, ainda mais quando não estava á espera. É mesmo muito bom estar com ele!

As minhas amizades e boas continuam o que sabe muito bem.

Ou seja as coisas correm bem mas...

estranhamente hoje sinto-me triste e sem motivo nenhum, apenas fiquei triste!

Mas acho que deve ser normal, não conseguimos estar sempre bem!

Mas não sei se é triste que fiquei repentina e estranhamente, ou é melancolia.

Apenas sei que acordei sózinho, acordei triste e com vontade de amar. 

 

 

"Nesta vida temos três professores importantes: o 'Momento Feliz', o 'Momento Triste' e o 'Momento Difícil'.

O 'Momento Feliz' mostra o que não precisamos mudar.

O 'Momento Triste' mostra o que precisamos mudar.

O 'Momento Difícil' mostra que somos capazes de superar."

                                                               

                                                                                            Mário Quintana

 

Feliz ou infelizmente tive aulas com estes três professores e acho que as notas foram altas.

Só para fechar, um beijo especial M!

 

O que ouço: the cure
publicado por carlos às 21:40
link do post | Diz algo | O que dizem (6) | favorito
Terça-feira, 18 de Dezembro de 2007
MÁGOA

FOTO DE: http://www.olhares.com/reynaldo 

Porque é este o mundo em que vivemos…um mundo onde tudo nos magoa, onde tudo deixa marcas…até mesmo o tempo não é só o tempo…e se dermos tempo ao tempo até ele nos faz sofrer…é este sofrimento que sinto quando estou à tua espera…e tu não chegas…e o tempo vai arrasando-me aos poucos… eu continuo á espera…mas tu não chegas… para se aliar ao tempo chega a falta de esperança…e tu não chegas…mais fraco do que nunca, mais só do que alguma vez estivera, espero mais um pouco…e tu não chegas…absorvido pela dor e desespero desta espera angustiante digo finalmente: CHEGA!...e tudo acaba…para pôr fim a tudo isto umas suaves e transparentes gotas de tristeza profunda escorrem pelo meu rosto…e mais nada sei…nada mais espero do futuro…agora e para sempre viverei simplesmente o presente …o que me trará a vida ninguém sabe…e vivo apenas com uma certeza: a certeza de nunca mais voltar a esperar por ti…porque tu nunca chegarás…

Eu estou:
O que ouço: Anthony
tags: ,
publicado por carlos às 22:35
link do post | Diz algo | O que dizem (3) | favorito
Terça-feira, 21 de Agosto de 2007
O mais sincero possivel!

Este post, vai ser escrito numa má fase da minha vida, mas vai ser o mais sincero possivel, estou a escrevê-lo de coração e alma abertos.

Tinha decidido com a mudança de aspecto do blog,escrever coisas mais alegres, mas ainda é muito cedo e dou-me conta que não consigo escrever nada de alegre, ou invento e minto, ou coloco textos de outros.

Decidi agora escrever o que realmente se passa comigo, agora sim o que é a minha realidade, pois ao fazer isto parece que estou a falar com alguém e talvez me ajude um pouco.

Desde a minha conversa com a minha mulher e até agora têm passado por mim um misto e uma confusão de sentimentos, que não consigo controlar nem perceber.

Neste momento estou com sentimentos maus, sentimentos que julgava não sentir jamais, enganei-me parece que se juntaram agora todos, egoismo,ódio,ciume,revolta, são os que mais me atormentam neste momento.Sinto-me tão mal, que me apetece desaparecer, sinto-me parado, a minha vida está parada, e não consigo avançar,nem sei o que fazer para andar.Sinto-me perdido,olhos vendados,não consigo olhar para a frente, não sou capaz de pensar em mim, não estou a viver mas sim a sobreviver, sinto-me a arrastar pela vida, o que nunca tinha sentido.

E pior disto tudo não sei o que fazer para sair disto. Acho que é a primeira vez que digo isto mas estou desesperado e sem saber o que fazer!

Sinto-me a mais neste mundo, coisa que nunca me passou pela cabeça, sempre me senti parte do mundo, da vida e das pessoas, mas agora não,sinto-me mesmo a mais.

Acredito que irá passar esta tormenta, não sei quando,espero que muito em breve, pois é muito má a forma como estou a viver, e não me apetece viver assim, isto não é viver.

A vontade que tenho é de ir para longe de tudo e todos, que este recomeço seja feito num pais distante,desconhecido,onde não conheça ninguém e ninguém me conheça, começar mesmo do zero. A vontade é essa desaparecer.

Este é sem duvida o meu maior e sincero desabafo, não costumo falar com ninguém, guardo muito as minhas emoções e sentimentos para mim, não gosto de preocupar os outros, por isso vou dizendo e disfarçando que estou bem, mas não estou,muito pelo contrário e preciso de ficar bem, porque viver assim não é possivel.

Desculpem escrever isto, mas é assim que estou e acho que vou estar um pouco quietinho aqui pelos blogs.

 

 

Eu estou: Triste,desesperado,parado
publicado por carlos às 13:45
link do post | Diz algo | O que dizem (12) | favorito
Terça-feira, 31 de Julho de 2007
Faltam-me as palavras!

Não sei o que se passa, mas faltam-me as palavras.

Quero vir aqui e escrever algo, olho para o teclado e nada, nada sai.

Ando um pouco perdido,desorientado,sem conseguir olhar com clareza para o futuro, nem que seja o futuro mais próximo. A minha cabeça está confusa, cheia de pensamentos e o meu coração com sentimentos muito baralhados e não consigo separá-los o que me está a impedir de andar e acabo por ficar parado a pensar sempre e muito.

Deve ser normal, acredito que sim mas não esperava com esta confusão na cabeça, tudo ao mesmo tempo, sentimentos de liberdade,felicidade,tristeza pura,compaixão,medo,preocupação , não consigo neste exacto momento dar um rumo, uma orientação á minha vida, estou estagnado.

Espero que seja por pouco tempo, pois não é agradável viver assim, tenho de mudar, a minha vida tem de conhecer outra rotina, tudo ou quase tudo tem de mudar, senão parece que está tudo igual, e na realidade nada está e será igual.

Acho que vou parar de escrever, isto está a ficar confuso para mim quanto mais para quem o lê.

Colocar as ideias no lugar, para depois poder começar a escrever sobre a minha nova vida.

 

Eu estou: Confuso,perdido e triste.
publicado por carlos às 20:00
link do post | Diz algo | O que dizem (22) | favorito
Se me querem conhecer
Os últimos...

Carta de amor II

Estranhamente...

MÁGOA

O mais sincero possivel!

Faltam-me as palavras!

O que já lá vai...
favorito

AMANTES

Queres encontrar algo?